RSS

Vinde a Mim


Por: Oswaldo Moreira


Irmãos eu tenho percebido no meu cotidiano ao conviver com as pessoas que existem muitos que estão cansados, sobrecarregados e oprimidos. Mas este cansaço, essa opressão e sobrecarga não tem nada a ver com o cansaço físico depois de um dia cansativo de trabalho, por exemplo. Não é disso que Jesus está falando. Esse cansaço é um cansaço na alma, essa sobrecarga é uma aflição, um grito da alma, essa opressão é um aperto da alma que não lhe deixa ir em direção a Deus.


Esse cansaço, sobrecarga e aflição da alma pode estar na vida de um pai de família por exemplo que tem projetos para a sua família, mas os padrões impostos pela sociedade desviou um dos membros da família dos ideais estabelecidos por Deus e o projeto se perdeu. Tem a ver com uma mãe de família que está vivendo dias difíceis que ela não planejou e nem esperava. 


Tem a ver com jovens que tinham um ideal tão lindo. Mas os valores do mundo, a luta contra o pecado, as circunstâncias que você vive lhe impedem de ter uma vida normal e você está cansado.


Você consegue se auto avaliar e sentir, no seu íntimo se está casado, sobrecarregado.


O verbo desse convite, desta oportunidade: Vinde!! Está no imperativo. É uma constante. É uma ordem. Jesus está mandando ir até ele. Ele está dizendo que não temos alternativa a não ser ir até ele para termos uma vida tranquila. Ele disse: Vinde a mim todos vós que estais cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei. É impossível andar com Jesus e não encontrar alívio na alma. Esse convite é para todos por é um imperativo plural. Vinde a mim todos vós que estais...


Participar os irmãos sobre algum assunto em forma de sermão, é algo sempre muito difícil para um pregador leigo como eu, ainda mais quando se tem muitos erros como eu. Eu não sei você, mais eu tenho muitos erros e pecados.


São esses pecados que me impedem de realizar, fazer e concretizar muitas coisas, todos esses pecados me deixam muitas vezes cansado, sobrecarregado.


O Próprio Senhor Jesus, em quanto esteve aqui na terra, pôde sentir o cansaço bater em sua porta. As longas viagens, pregações, curas, tudo isso O levava ao cansaço. Ora, Jesus foi homem como nós todos aqui, e por isso se cansava. Não é atoa que quando teve a oportunidade, tirou uma soneca no ultimo andar do navio.


Nos dias de hoje, nós também, diariamente acumulamos trabalhos, ações incompletas, planos não concretizados, pessoas que nos aborrecem, pessoas que nos prejudicam, relacionamentos, vida financeira, vida com Deus, o pecado.......Tudo isso tem feito de nós, seres humanos, pessoas cansadas e sobrecarregadas. Uma mais, outra menos, porem todas cansadas.

Já notou como você não vê a hora de um feriado chegar? – Talvez porque você saiba que precisa descansar que precisa aliviar o fardo. Ainda mas num fim de mês, onde todo cansaço esta acumulado... Onde estamos mais divagares e sentindo mais ainda o peso de muitos e de muitas, coisas e pessoas.


Cansado, você deixa de fazer, de realizar...de levantar! Por isso não pode estar cansado. Se cansado fisicamente você fica incapaz de fazer muitas coisas, imagina cansado de alma.!!?? ( vamos sair, comer uma pizza, jogar???? Não...pois estou cansado!!!)


Você e eu antes de dormir, quando estamos deitados sentimos que precisamos de descanso. E o que Jesus propõe no tema de hoje, é o melhor descanso que precisamos o da Alma.


 “Vinde a mim todos os que se encontram cansados e oprimidos/sobrecarregados , e EU vos aliviarei, tomai o meu julgo que é suave e meu fardo que é leve. Aprendei de MIM que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para a vossa alma.” Mateus 11:28 a 30


A situação no momento em que essa passagem se encontra, é a de um povo cansado de não conseguir alcançar o objetivo esperado, de tristeza por não serem capaz de cumprir a lei, a ordem e acharem que tais coisas eram pesadas de mais para eles.


No enredo do texto temos o jugo no....
(1) No Aspecto Espiritual: A carga do pecado.
(2) No Aspecto Religioso: A carga das demandas excessivas dos líderes fariseus (Mt 23.4; At 15.10).
(3) No Aspecto Político: A carga da tirania dos governantes romanos com seus impostos e leis.
(4) No Aspecto Existencial: A carga de falsas e pesadas esperanças acerca da felicidade e salvação da alma.


Mas não importa o tamanho nem o peso da carga, pois o Senhor Jesus alivia as pessoas de todas estas cargas.


Este não só é um convite maravilhoso para cristãos frustrados e cansados!


As pessoas se sobrecarregam porque tentam fazer as coisas por meio de suas próprias habilidades, seja quais forem elas.


É para essas pessoas que Jesus faz o convite essa noite: “Vinde a mim todos os que estais cansados e oprimidos..”


Em Êxodo 1.11, encontramos uma passagem que nos prova que Israel sofreu o jugo dos Egípcios, porem em Salmos 81.6 : “Livrei da carga o seu ombro”. Essa é a proposta dessa noite, alivio para o ombro, descanso para a Alma.



Dizer que a bíblia é o manual para vivermos bem enquanto aqui na terra, é fácil....mais, onde exatamente podemos encontrar então, a solução para a carga do ombro e o descanso da alma????


Como encontrar alívio e descanso para a alma????

A luz da palavra, eu consigo perceber algumas características dessa passagem, consigo perceber que eu ENCONTRO 


ALÍVIO E DESCANSO PARA A ALMA.....


1. Indo até Jesus - uma aproximação inicial (fé)


A Bíblia Sagrada conta a história do Centurião Romano. Aquele oficial do exército romano que tinha um empregado paralítico em sua casa, sofrendo terrivelmente. Ele rogou a Jesus que libertasse esse homem. Jesus disse eu vou em sua casa e o curarei. O homem disse a Jesus: Eu não sou digno que o Senhor entre em minha casa... Apenas digas uma palavra e o meu servo será curado. O centurião romano disse: Eu também tenho autoridade e digo aos meus empregados vai e eles vão. Vem e eles vem. Faze isto e eles fazem. Jesus ao ouvir esse comentário de alguém de forma da comunidade de Israel, fez o seguinte comentário: Nem mesmo em Israel encontrei tamanha fé. Jesus olhou para o centurião e disse vai e seja feita conforme creste. E aquele servo foi curado na mesma hora. Portanto se você está cansado, sobrecarregado, oprimido, venha até Jesus que ele jamais te deixará decepcionado.


Centurião tinha um problema. Nós temos problemas. Indo a Jesus, ele pode encontrar a solução de seu problema. – Uma atitude embasada na fé;


Centurião tinha obstáculos a serem vencidos. Indo a Jesus, a resposta do seu problema, iria superar todos os seus problemas;


Curiosidade: Jesus da Saúde. Jesus não nega ajuda. Jesus ficou Maravilhado. Nossa fé pode maravilhar O Criador. Quem poderia se maravilhar com o mar aberto, fica maravilhado com a demonstração de nossa fé.

2. Tomando sobre si o jugo de Jesus - um compromisso (submissão ao senhorio)


Tomar o jugo de Deus, o jugo de Jesus nesse momento, esta relacionado com o aceitar o Senhorio de Cristo, nom submissão.


Falar em submissão nos dias de hoje, não é algo tão comum, visto que vivemos em um país e vivenciamos uma sociedade que prega cada vez mais a insubmissão das pessoas.


Crianças cada vez menos submissas. Pessoas cada vez menos submissas a Lei. Mulheres, maridos, filhos e filhas.... 


Ninguém quer receber ordem, ninguém quer passar pela possibilidade de ser em vista da sociedade, rebaixado.


A sociedade num contexto geral, tem explicitamente pregado o SENHOR na cruz novamente, tudo isso por NÃO SER SUBMISSA a ELE.


E você ainda acha que o tema Submissão ainda deve não ser tratado aqui??


Tomar sobre sí o meu julgo esta relacionado a compromisso. No contexto apresentado pelo Senhor Jesus, ELE é toda experiência, toda sabedoria, e toda facilidade que quer carregar o peso conosco.


O jugo, como um objeto, posto sobre um grande e um pequeno, fará com que todo o peso, toda dificuldade, fique sobre o grande. Imagine a cena.


O Grande é Deus, é Jesus, que quer desde que você vá até ele, de forma imperativa – por isso o “vinde a mim...” ou seja, esteja sempre vindo....todo dia, toda hora, quer carrega-lo. Participar do problema.


“Ora, o que é que o Senhor pede de ti, senão que pratiques a justiça, ames a beneficência e andes humildemente com o teu Deus?” (Miquéias 6.8). O jugo de Jesus é suave, o Seu fardo é leve, o que é que o Senhor Deus pede de tão duro que não podemos fazer? Isto é o jugo de Jesus.

3. Aprendendo de Jesus - uma mudança permanente e constante (imitação)


Como o jugo serve para obrigar dois a andar lado a lado, a pessoa aprende com quem ela anda. Se andar debaixo do jugo de Satanás, aprenderá as obras infrutuosas das trevas. Se tomar o jugo do Senhor, aprenderá as boas coisas do Reino.


Quem toma o jugo de Jesus, passa a andar lado a lado com ELE. Logo, deve adquirir características dELE.


Os discípulos andavam com JESUS e por ele foram moldados. Os discípulos estavam “longe” de Jesus mais ao tomarem definitivamente o jugo de Jesus, começaram a acontecer mudanças em suas vidas. Note que os discípulos mudaram de rumo suas vidas e essas mudanças eram constantes.....
1. São escolhidos e chamados; 
2. Ensinados; Mt 10 – 
3. Enviados;  MUDANÇA CONSTANTE
4. Dotados;
5. Referencias.


Existem várias formas de se aprender algo. Podemos aprender com os próprios erros, com os erros dos outros ou com conselhos. Nada melhor do que aprender com ELE, JESUS. Essa é a proposta. APRENDER DE JESUS.

Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas. - 1 Pedro 2:21


Aprender com Jesus, nos leva a refletir em tudo antes de fazer. Nos leva a conferir, nos leva a pedir orientação. Sobre tudo, nos leva a praticar os dois tópicos anteriores:


4. Ir até Jesus - uma aproximação inicial (fé), e Tomando sobre si o jugo de Jesus - um compromisso (submissão ao senhorio), desta forma, aprendendo de Jesus - uma mudança permanente e constante (imitação).

Portanto eu não sei o caminho que você que está neste culto tem trilhado, qual o conjunto de valores em sua vida que você considera essenciais. Mas se você se auto avalia e você não consegue se satisfazer interiormente, a sua alma está abatida, aflita, oprimida , sobrecarrega, você não consegue ter paz interior. Eu lhe convido nesta noite... Venha até Jesus porque somente quando encontra-lo você terá encontrado o tesouro mais valioso que existe.
Agostinho disse:


Qualquer outro jugo te oprime e te abruma; mas o jugo de Cristo te alivia o peso. Qualquer outra carga tem peso, mas a de Cristo tem asas. Se a uma ave lhe tiras as asas, parece que a alivias do peso delas; mas quanto mais a alivies do peso das asas, tanto mais ficará presa ao solo. Mas se lhe devolves suas asas, então ela voa levianamente, pois suas asas não são pesadas. Assim o jugo de Cristo é suave e leve para o crente e por meio dela podemos voar para Deus.


A exigência do texto utilizado essa noite é ensinada em quatro verbos: "Vinde...tomai...aprendei...encontrai" 
E
stas palavras nos dizem claramente o que deveremos fazer, ao responder a este convite e precisamos saber que não podemos ter o descanso prometido que Jesus quer que tenhamos se não fizermos o que ele nos diz para fazermos!


Considere isso. Não podemos ter o que Jesus quer que tenhamos se não fizermos o que Jesus nos diz para fazer!! Assim, aqueles que estão sob o fardo do pecado precisam vir a Cristo, tomar o Seu jugo, aprender com Ele e encontrar o descanso de que necessitam.


E a você que já tem Jesus no coração: Sede firme e constante.... Quando pesar, troque de jugo, ou melhor, não espere isso acontecer. Deixe o Deus, que te conhece e Tudo pode, carregar o peso para você!!


Deus abençoe sua vida e sua semana!!
  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário